A Quick Scan Energy é uma auditoria energética desenvolvida pela Actemium que identifica ações de economia de energia em uma instalaçãod industrial, a fim de reduzir a conta de energia.

Mais de um terço (36%) do consumo de combustível na indústria francesa, ou seja, 109,5 TWh, é desperdiçado todos os anos. Estes números, citados em um estudo da Ademe, evidenciam o potencial de recuperação do calor dissipado na indústria. Este calor residual resultante de um processo e não aproveitado por ele é a base da ferramenta Quick Scan Energy proposta desde 2016 pela Actemium, a marca da VINCI Energies dedicada ao desempenho industrial.

A Quick Scan Energy é uma auditoria energética, realizada durante um curto período de tempo – geralmente um dia – que permite identificar ações de economia de energia em uma instalação industrial, a fim de reduzir a conta de energia“, explica Alexia Tassin, Industry 4.0 Engineer na Actemium.

A auditoria também permite apresentar ao industrial os vários subsídios e verbas que podem ser associados a uma ou outra medida implementada: Certificado de Economia de Energia, Fundo Calor, assistência PRO-SMEn…

“Nossa proposta visa detectar as fontes potenciais de economia de energia quantificando o calor dissipado de uma instalação industrial.”

Os projetos iniciados na sequência de uma auditoria de Quick Scan Energy são principalmente de natureza térmica e elétrica. “Essas economias podem ser realizadas com soluções de recuperação do calor das fumaças de um forno industrial ou de uma caldeira para aquecer água doméstica, por exemplo“, explica Alexia Tassin. “Também podemos instalar reguladores eletrônicos de velocidade para reduzir o consumo elétrico das bombas que não funcionam em modo contínuo ao longo do ano”.

Uma ferramenta para todos os setores de atividade

Este trabalho de auditoria baseia-se no conhecimento aprofundado dos processos industriais adquirido pela Actemium ao longo de muitos anos em todos os setores de atividade.

A Quick Scan Energy já foi utilizada por industriais em segmentos muito diversos, como o setor agroalimentar, a química, a siderurgia-metalurgia, a indústria automóvel ou a cosmética. “Temos experiência suficiente para detectar as fontes potenciais de economia de energia quantificando o calor dissipado de uma instalação industrial“, indica Alexia Tassin.

A Quick Scan Energy também se revela uma ferramenta muito útil para identificar as oportunidades para celebrar um Contrato de performance energética (CPE) com um cliente. “Além da beneficiação do projeto com os Certificados de Economia de Energia quando são implementadas as Ações de Performance Energética (APEs), o CPE reforça a relação de confiança entre o cliente e a Actemium, que se compromete a realizar um determinado volume de economia de energia primária durante um determinado período de tempo“, acrescenta o Industry 4.0 Engineer da Actemium.

10/06/2020