O desempenho de uma bateria é um elemento fundamental para o mercado da mobilidade elétrica. Para defender sua indústria automotiva e confirmar ao mesmo tempo seu compromisso com o desenvolvimento sustentável, a União Europeia lançou a iniciativa European Battery Alliance em 2017. O projeto de pesquisa SeNSE, iniciado em fevereiro de 2020, se enquadra neste contexto. Seu objetivo é garantir que este setor estratégico não seja monopolizado pelos atores asiáticos (atualmente 90% do mercado), pelo que a Europa deve ter seus meios próprios de produzir baterias de íons de lítio de nova geração, em linha com a economia circular e a mobilidade limpa. SeNSE visa aprimorar a química dos componentes, bem como o BMS (Battery Management System). A pesquisa se concentrará especialmente na substituição dos ânodos por compósitos de silício-grafite e na redução do teor de cobalto no cátodo. Liderada desde a Suíça, a SeNSE reúne onze parceiros europeus representando sete países, incluindo a empresa sueca Northvolt, que planeja construir duas “giga-factories” europeias de baterias de íon de lítio.

11/02/2021